• Cotação
  • Quick Quotes Remarks – Informações específicas do país

Observações da Cotação

Quick Quotes Remarks – Informações específicas do país

Observações da Cotação

Por favor, selecione o item que é necessário para você na lista abaixo:

Notas para Argélia

Para embarques para a Argélia, não são aceitos encargos a pagar.

Notas para Angola

Frete a pagar não é permitido em Angola. Apenas os encargos locais no destino devem ser pagos em Angola. De acordo com a legislação angolana, os encargos abaixo devem ser pagos em Angola XFD, XAO, XNG, XHR

A identificação fiscal é obrigatória para a parte do consignatário. Para embarques em trânsito em que o consignatário esteja localizado em um país que não seja Angola, a identificação fiscal não é necessária.

 

Notas para Argentina

Temporariamente, todos os embarques de importação para a Argentina estão sendo PRÉ-PAGOS e os embarques de exportação A PAGAR, sem nenhuma exceção. As taxas de sobreestadia e detenção são aceitas apenas para importação e exportação (sobretaxas locais sujeitas a IVA).

Notas para Austrália

Para exportações da Austrália, informamos que Grãos, Resíduos e Sucatas são mercadorias que não se enquadram na definição de Freight All Kinds do nosso Quick Quotes. Para tais mercadorias, entre em contato com nossos representantes de vendas locais para obter uma cotação.

Notas para Bangladesh

THD/EMF/SEC/OAD/DLF/ADD/RHD (importações para BDCGP): devem ser pagos junto com o frete marítimo. Se o frete marítimo for pré-pago: o encargo deve ser pago na origem ou em outro local pré-pago.

THO/SMD/SEC (exportações de BDCGP): devem ser pagos junto com o frete marítimo. Se o frete marítimo for a pagar: o encargo deve ser pago no destino ou em outro local a pagar.

Taxa de documentação de importação (DDF): Sempre a pagar no POD.

Taxa de documentação de exportação (MTD): Sempre a pagar no POL.

Porto de Chittagong

O Porto de Chittagong aceita contêineres de 6 a 12 metros para transporte com peso bruto máximo de 24.000 kg (para contêineres de 6 metros) e 30.480 kg (para contêineres de 12 metros) (peso bruto = peso bruto da carga + tara do contêiner).

Notas para Benim

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos. A sobretaxa de congestionamento no destino (CGD) e o imposto de importação (TXI) devem sempre seguir os termos de pagamento do frete marítimo.

Notas para Brasil

Importação e exportação – todos os encargos devidos no Brasil são pagos através do portal PayHapag https://payhapag.com.br/.

O pagamento via portal é obrigatório no Brasil. Em caso de dúvidas, envie um e-mail para [email protected].

Remarks for Brunei

For all import shipments to Brunei, only THD (Terminal handling charge destination) and DDF (Destination Documentation Fee) can be collect, all other freight items must be prepaid.

Notas para Burkina Faso

Frete a pagar não é aceito. Todos os encargos, incluindo DLF e encargos no destino, devem ser pré-pagos com o frete marítimo.

Notas para Camarões

Frete a pagar não é aceito. Para importações para Camarões, POS, ADD, CTY e TXI devem ser pagos em Camarões. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos.

Notas para Canadá

Observe que o encargo arbitrário no destino (ACD), a sobretaxa de risco de guerra (WRS) e a sobretaxa de congestionamento no destino (CGD) devem ser pagos com o frete marítimo - exceto para Shuwaikh, cujos encargos são a pagar. Para cargas para a América Latina via Nova York, observe que há uma transferência intermodal para o porto envolvendo vias públicas, onde se aplicam os limites de peso de 17.780 quilos por contêiner de 6 metros e 19.820 quilos por contêiner de 12 metros. Nenhum FAC se aplica.

Certifique-se de que o contêiner seja entregue cheio no terminal dentro do período de validade do contrato utilizado para o embarque. Quando seu embarque for composto por vários contêineres, certifique-se de que o último contêiner que pretende entregar seja entregue cheio no terminal dentro do período de validade do contrato.

Embarques contendo objetos pessoais, veículos ou roupas usadas não podem ser transportados em rotas internacionais ou de/para uma residência particular. Para objetos pessoais, no momento do booking, um agente no destino deve se indicado para fornecer informações sobre as instruções de envio; todos os encargos devem ser pré-pagos.

Embarques de produtos de metal pesado (incluindo, entre outros, bobinas de aço) devem ser pré-aprovados antes do booking.. Entre em contato com sua equipe de vendas local.

Embarques partindo do Canadá são tarifados com base na data em que o último contêiner do embarque é entregue no terminal.

Lembre-se de que existem várias mercadorias proibidas ou restritas pelas ferrovias norte-americanas, incluindo, entre outras: maquinário usado, sucata, veículos, produtos de metal pesado, flexitanks, tabaco, couros, objetos pessoais, equipamentos médicos, pneus usados, etc. Em caso de dúvidas, não hesite em entrar em contato conosco.

A referência correta de tarifa deve ser fornecida no momento da solicitação inicial do booking. No caso de alterações subsequentes na referência de tarifa, o embarque ficará sujeito à disponibilidade de espaço segundo a cotação alterada. Solicitações de alteração de tarifas após o retorno do contêiner serão recusadas.

Para consultar pesos de carga permitidos e encargos de excesso de peso para transporte terrestre dentro dos EUA, siga o link abaixo.
Limite de peso bruto de carga
Guia de excesso de peso no interior dos EUA: https://www.hapag-lloyd.com/en/online-business/quotation/tariffs/local-charges-service-fees.html#anchor_otf98316
Qualquer custo interno adicional incorrido por excesso de peso da carga será por conta do embarcador. Veja os links abaixo para consultar as respectivas taxas de excesso de peso.

Taxas de serviço norte-americanas – Tarifa de excesso de peso nos EUA: https://www.hapag-lloyd.com/en/online-business/quotation/tariffs/local-charges-service-fees.html#anchor_otf98316
Os requisitos de peso se aplicam a todos os embarques, incluindo contêineres recebidos ou entregues nas docas. A transportadora não irá realizar o transporte terrestre de nenhum contêiner carregado incorretamente ou carregado acima de sua capacidade indicada. O embarcador garantirá que o peso do eixo e do carregamento atendam aos limites de segurança das rodovias provinciais, federais, estaduais e municipais. As taras podem variar, impactando o peso máximo.

Notas para China

Informamos que certas mercadorias são restritas ou exigem uma licença especial para transbordo de importação/exportação via Hong Kong pelo Departamento de Comércio e Indústria do Governo de Hong Kong.

Certas mercadorias denominadas “Máquinas/Ferramentas/Equipamentos, etc.” também podem estar classificadas como mercadorias estratégicas no Departamento de Comércio e Indústria do Governo de Hong Kong; nesse caso, o transbordo pode ser atrasado devido à solicitação de licença.

Para mais detalhes, consulte:

http://www.stc.tid.gov.hk/eindex.html

http://www.stc.tid.gov.hk/english/download/by_formno.html

Observe que este requisito de licença também se aplica a máquinas a serem descarregadas nos terminais/portos da parte ocidental de Shenzhen (ou seja, Shekou, Chiwan, Da Chan Bay).

China – Nova restrição à aceitação de cargas de resíduos

De acordo com a legislação colocada em vigor em 1º de setembro de 2020 pelo Governo da República Popular da China sobre a “Prevenção e controle da poluição por resíduos sólidos” na China, não são mais aceitas cargas de resíduos sólidos na China.

Esta legislação se aplica a todas as cargas de resíduos sólidos, como resíduos de papéis, resíduos de plásticos, resíduos de metais, resíduos de produtos químicos, etc.

Para evitar qualquer interrupção desnecessária, pedimos sua assistência e cooperação, uma vez que qualquer violação pode resultar na devolução do embarque pela alfândega e na aplicação de multas.

Todos os embarques para fora da China estão sujeitos aos regulamentos do Shanghai Shipping Exchange. Isso implica, entre outras coisas, que a entidade contratante (que não seja a Hapag-Lloyd) no contrato tarifário ou o embarcador no eventual conhecimento de embarque responsável pela transação cotada seja um BCO ou um NVOCC registrado na Shanghai Shipping Exchange e tenha um código MOC.

Notas para Colômbia

Na Colômbia, não há serviço OTM ou DTA entre instalações portuárias ou qualquer zona franca ou terminal habilitado.

Notas para Congo

Frete a pagar não é permitido. Todos os encargos relacionados a frete, como a IFD (taxa de inspeção no destino) e a CGD (sobretaxa de congestionamento no destino), devem ser PRÉ-PAGOS na agência de origem com o frete marítimo.

Notas para República Democrática Do Congo

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos.

Notas para Cuba

Termos de pagamento: a partir de janeiro de 2022, todos os embarques para Cuba serão pré-pagos, sem exceção.

Todos os custos de frete e quaisquer outros encargos não devem ser faturados e pagos por nossos clientes em USD. As faturas e pagamentos relacionados devem ser preferencialmente em EUR.

Quaisquer encargos locais devem ser processados pelo agente em Cuba de forma independente, mas não em USD.

 

Notas para Djibouti

A sobretaxa de importação no destino RHD deve seguir os termos de pagamento do frete marítimo.

O encargo RHD deve seguir o frete.

Notas para Equador

Tomada gratuita para contêineres refrigerados 48 horas antes da partida do navio.

Observe que esse é um requisito essencial para realizar o processo de validação de novo cliente para todos os novos embarcadores e/ou clientes. Pedimos que forneça os dados completos da empresa que constará como embarcador no conhecimento de embarque, juntamente com a sua solicitação de booking. Para mais informações sobre o processo, consulte o nosso site: here

Somente para embarques terrestres nos EUA – carência de caminhões na América do Norte:

As entregas transportadas por armadores têm estado atrasadas devido à escassez considerável de caminhoneiros nos EUA e no Canadá. Estamos trabalhando para melhorar o atendimento aos nossos clientes, bem como para minimizar o impacto de qualquer armazenamento/sobreestadia. No entanto, dadas as circunstâncias apresentadas que fogem do nosso controle, esperam-se atrasos significativos.

De acordo com o nosso tarifário, eventuais taxas de armazenamento incorridas nos terminais ferroviários internos dos EUA e/ou Canadá serão cobradas na conta da carga e devem ser liquidadas antes da liberação da carga. Caso o armador, dadas as circunstâncias atuais, não consiga concluir o trecho interno devido à falta de caminhões nos EUA/CAN ou a qualquer outra situação que fuja do nosso controle, a responsabilidade final seria do remetente da carga.

Restrições de peso: cada país tem suas próprias restrições de peso nas rodovias; portanto, verifique se o peso da carga não excede o limite. O excesso de peso pode gerar despesas extras ou multas que serão debitadas na conta da carga.

Notas para Egito

Encargos locais egípcios só podem ser pagos no Egito; portanto, não são permitidos pré-pagamentos ou pagamentos no exterior.

Notas para Guiné Equatorial

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos.

Notas para Fiji

Para exportações de Fiji, informamos que Grãos/Resíduos/Sucatas são mercadorias que não se enquadram na definição de Freight All Kinds do nosso Quick Quotes. Para tais mercadorias, entre em contato com nossos representantes de vendas locais para obter uma cotação.

Remarks for Gabon

Freight collect is not accepted. Freight and origin local charges to be on prepaid.

Notas para Gabão

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos. 

Remarks for Ghana

Freight collect is not accepted. Freight and origin local charges to be on prepaid.

Remarks for Guatemala

BL fee surcharge is always subject to local IVA.

Notas para Guiné

  • Frete a pagar não é permitido. Todos os encargos relacionados a frete, como a taxa de inspeção no destino (IFD), devem ser PRÉ-PAGOS na agência de origem. As taxas de inspeção no destino incluem as taxas de certificado. Esses encargos devem ser pagos com o frete marítimo. 
  • Telex release é permitido. Conhecimentos de embarque marítimos não são permitidos. Imprimir o conhecimento de embarque no POD Conakry não é permitido. 
  • O NIF do consignatário é obrigatório (NIF = número IVA). Consignatários e notificações estrangeiros não são permitidos. 
  • “BLs (conhecimentos de embarque) –“TO ORDER” e “TO ORDER OF” e “TO ORDER OF BANK” NÃO SÃO PERMITIDOS; “TO ORDER OF BANK NAME” com o BANK NAME claramente mencionado é PERMITIDO”. 
  • Restrições de peso conforme peso máximo da carga útil por contêiner. 
  • Contêineres SOC apenas com placa válida; contêineres de alumínio não permitidos. 
  • Para cargas de baixo valor, como itens pessoais e de segunda mão geralmente dos EUA, Canadá e Europa com alto risco de não serem reclamados e abandonados pelo exportador, um documento de desistência UAC (unclaimed and abandoned container - contêiner não reclamado abandonado) deve ser emitido para o embarcador 
  • Resíduos tóxicos, sucata eletrônica, sucata de motores/peças de motores, baterias usadas, pneus usados, carvão, fogos de artifício, produtos que contenham amianto, substâncias venenosas e entorpecentes, impressora de dinheiro falso, remessas de dinheiro, moedas, medalhas (de qualquer tipo) , animais vivos, vegetais crus não refrigerados, frutas, peixe/carne(s) seca(s), restos de animais de qualquer tipo, plantas vivas e fertilizantes, material pornográfico, bebidas energéticas “pussy”, armas, armas de fogo, munições, balas, cartuchos e pólvora e/ou qualquer tipo de carga policial/militar, veículos com volante à direita NÃO TÊM PERMISSÃO para serem importados para a Guiné. 
  • Para cargas secas “em trânsito” para o Mali/nome do país via transporte pelo exportador, deve aparecer no BL “carga em trânsito para o Mali/nome do país”. 
  • Não é permitida a importação de produtos farmacêuticos. Ainda assim, entre em contato com o Gerente Nacional da Guiné para confirmação antes de prosseguir com o booking/documentação. 
  • Para cargas refrigeradas “em trânsito” para o Mali – é necessária a aprovação MD do agente do destino. 
  • Cargas destinadas a entidades governamentais, ONGs, instituições de caridade, entidades religiosas e cargas refrigeradas precisam da aprovação MD do agente do destino. A agência POL será responsável por todas as despesas associadas em caso de longa detenção de contêineres e/ou perdas.  

    A partir de 1º de julho de 2023, todas as sucatas de metais como ferro, aço e alumínio, além de plásticos, tubos metálicos e qualquer sucata destinada à Índia incorrerão em uma taxa de manutenção de equipamento (equipment maintenance fee - EMF) de INR 4.250 por 20' e INR 8.500 por 40'. Consulte o site da Hapag Lloyd para detalhes sobre encargos locais.  

Remarks for Guyana

Termos de pagamento: Todas as cargas de importação devem ser “pré-pagas”; as cargas de exportação devem ser “ a pagar”. 

Notas para Islândia

Termos de pagamento: empresas na Islândia não permitem encargos a pagar. Não emitimos faturas para empresas na Islândia. As faturas podem ser pagas, no entanto, em outros países da Europa. Todos os encargos locais na Islândia são cobrados pelo nosso armador intermediário EIMSKIP na Islândia diretamente do cliente na Islândia. Esses não podem ser pré-pagos - portanto, apenas o Free Out Iceland é oferecido. Tal também se refere a encargos locais de sobreestadia, armazenamento e detenção na Islândia.

Notas para Índia

Todos os encargos devem ser pré-pagos para mercadorias como Sucata, Papel usado, Retalhos, Maquinário usado e Objetos pessoais.

Para embarques pré-pagos, o frete terrestre no destino (DLF) para ICDs de longa distância (por exemplo, Ludhiana, Nova Deli, Patparganj, Faridabad, Gurgaon, Moradabad, etc.) deve ser pré-pago.

Para cargas com destino a Nepal (Kathmandu e Birgang/Biratnagar), todos os encargos devem ser exclusivamente pré-pagos.

Os encargos de recebimento, manuseio e entrega (RHD) só podem ser pagos no destino.

Importações: é proibida a importação de sucata sólida de plástico.

ICDs:

Os clientes que desejam organizar o embarque nos termos PDA do embarcador precisam selecionar "recebido no terminal". A cotação mostrará a “Taxa de manuseio no frete terrestre na origem” (HOL) aplicável que cobre despesas incidentais de manuseio, carregamento e transporte. Os encargos ferroviários devem ser pagos diretamente à operadora ferroviária.

Os clientes que desejam organizar o embarque nos termos de PDA do serviço marítimo precisam selecionar "recebido na porta". A taxa de frete terrestre na origem (OLF) será exibida nas sobretaxas de exportação diretamente na cotação.

O local de partida deve ser sempre um terminal terrestre de coleta de contêineres da Índia (para entrega no porto ou ICD).

 

Notas para Indonésia

O frete marítimo e os encargos associados, bem como todos os encargos locais na origem, devem ser pré-pagos para importações de mercadorias refrigeradas e objetos pessoais/utilidades domésticas.

Os seguintes portos indonésios exigem encargos pré-pagos para todos os embarques de importação, incluindo todos os encargos locais no destino. Aplicação em caráter de exceção mediante aprovação do POD: Balikpapan, Batam Pulau (ilha de Batam), Buatan, Dumai, Kualatungkal, Padang, Pekanbaru, Perawang, Samarinda, Tebing Tinggi, Banjarmasin.

O THC (importação e exportação) deve ser definido no contrato como não cobrável para os seguintes portos. – o encargo é pago diretamente pelo cliente às autoridades portuárias: Balikpapan, Makassar, Tebing Tinggi, Perawang, Pekanbaru

Todo o frete (frete marítimo e encargos associados, todos os encargos locais na origem, todos os encargos locais no destino, etc.) deve ser pré-pago para embarques de importação para portos secundários e entrega na porta: Bacolod, Lli-ilo, Angeles, Clark, Lligan.

Notas para Iraque

Os encargos de manuseio no destino (THD) do terminal do Iraque, bem como de recebimento, manuseio e entrega (RHD) precisam ser pré-pagos.

Os encargos de recebimento, manuseio e entrega devem sempre ser pré-pagos na origem.

Notas para Israel

As sobretaxas de congestionamento (CGO/CGD) devem sempre seguir os termos de pagamento do frete marítimo.

Se o frete marítimo for pré-pago, a sobretaxa de congestionamento será pré-paga.

Se o frete marítimo for a pagar, a sobretaxa de congestionamento será a pagar.

Notas para Itália

Os bookings de objetos pessoais de e para a Itália não podem ser feitos para transporte pelo armador. Todos os encargos devem ser pré-pagos, e o destinatário deve ser um agente.

 

Notas para Costa Do Marfim

Frete a pagar não é aceito. O mesmo se aplica aos encargos locais de origem e aos encargos de tratamento nos terminais (THD) da Costa do Marfim. Tudo deve ser pré-pago. 

Notas para Japão

Todos os encargos devem ser pré-pagos para importações de mercadorias refrigeradas, objetos pessoais e utilidades domésticas.

O frete terrestre no destino (DLF) deve seguir os termos do frete marítimo.
 

Notas para Quênia

Frete a pagar não é aceitável.

THD e TSD são aceitos a pagar, exceto nos casos de embarque TBL para países do interior, onde os encargos são obrigatoriamente pré-pagos.

O DLF deve ser pré-pago para todos os embarques destinados ao Quênia.

LFD e PDO devem ser faturados a pagar.

EMF deve ser faturado a pagar – aplicável a todos os embarques MH do Quênia para Uganda.

Notas para Libéria

  • Frete a pagar não é permitido. Todos os encargos relacionados a frete devem ser PRÉ-PAGOS na agência de origem.  
  • Conhecimentos de embarque marítimos não são permitidos. Imprimir o conhecimento de embarque no POD Monróvia não é permitido. 
  • “BLs (conhecimentos de embarque) –“TO ORDER” e “TO ORDER OF” e “TO ORDER OF BANK” NÃO SÃO PERMITIDOS; “TO ORDER OF BANK NAME” com o BANK NAME claramente mencionado é PERMITIDO”. 
  • O NIF do consignatário é obrigatório (NIF = número IVA). Consignatários e notificações estrangeiros não permitidos. 
  • O certificado Electronic Cargo Tracking Note (ECTN) é obrigatório para todos os embarques de importação para a Libéria e deve constar no conhecimento de embarque. A não apresentação do CTN aos consignatários acarretará em multa no destino que será repassada ao cliente na origem para pagamento.
    Observação: Electronic Cargo Tracking Note (ECTN) – O certificado Cargo Tracking Note contém informações detalhadas sobre a carga e sua movimentação entre os portos. Além disso, o documento oferece às Autoridades Aduaneiras Marítimas informações sobre o exportador/importador, rota e métodos de embarque, tipo e valor da carga, valor do frete, bem como detalhes sobre as mercadorias transportadas. 
  • Restrições de peso conforme peso máximo da carga útil por contêiner. 
  • Contêineres SOC apenas com placa válida; contêineres de alumínio não permitidos. 
  • Para cargas de baixo valor, como itens pessoais e de segunda mão geralmente dos EUA, Canadá e Europa com alto risco de não serem reclamados e abandonados pelo exportador, um documento de desistência UAC (unclaimed and abandoned container - contêiner não reclamado abandonado) deve ser emitido para o embarcador 
  • Resíduos tóxicos, sucata eletrônica, sucata de motores/peças de motores, baterias usadas, pneus usados, carvão, fogos de artifício, produtos que contenham amianto, substâncias venenosas e entorpecentes, impressora de dinheiro falso, remessas de dinheiro, moedas, medalhas (de qualquer tipo) , animais vivos, vegetais crus não refrigerados, frutas, peixe/carne(s) seca(s), restos de animais de qualquer tipo, plantas vivas e fertilizantes, material pornográfico, bebidas energéticas “pussy”, armas, armas de fogo, munições, balas, cartuchos e pólvora e/ou qualquer tipo de carga policial/militar, veículos com volante à direita NÃO TÊM PERMISSÃO para serem importados para a Guiné. 
  • Para cargas secas “em trânsito” para o Mali/nome do país via transporte pelo exportador, deve aparecer no BL “carga em trânsito para o Mali/nome do país”. 
  • Não é permitida a importação de produtos farmacêuticos. Ainda assim, entre em contato com o Gerente Nacional da Guiné para confirmação antes de prosseguir com o booking/documentação. 
  • Para cargas refrigeradas “em trânsito” para o Mali – é necessária a aprovação MD do agente do destino. 
  • Cargas destinadas a entidades governamentais, ONGs, instituições de caridade, entidades religiosas e cargas refrigeradas precisam da aprovação MD do agente do destino. A agência POL será responsável por todas as despesas associadas em caso de longa detenção de contêineres e/ou perdas. 

Notas para Líbia

Não são aceitos valores a pagar – frete a pagar não é aceito.

Frete a pagar é aceito apenas em circunstâncias especiais.

Consulte os termos de pagamento em “Líbia: informações e requisitos do país”.

A sobretaxa de contribuição portuária no destino é paga junto com o frete

marítimo.

O mesmo se aplica à sobretaxa de congestionamento, sobretaxa de risco de guerra e

encargo de transferência de equipamento no destino.

Se o frete marítimo for pré-pago, ETD/PCD/CGO/CGD/WRS também serão pré-pagos.

Observe as seguintes restrições de mercadorias aplicadas à importação para a Líbia:

  • Cigarros/tabaco industrializado: aceitos, mas o conhecimento de embarque deve indicar claramente “cigarros ou tabaco industrializado”. Os detalhes completos do consignatário e do embarque devem ser enviados antes da aceitação do booking Se e uma vez aprovado, uma carta de indenização (LOI) deve ser assinada.
  • Armas (militares e não militares): proibidas.
  • Álcool: proibido.
  • Produtos farmacêuticos: restritos; entre em contato com seu escritório de vendas.
  • Carros: restritos; entre em contato com seu escritório de vendas.

Notas para Mali

Todos os encargos devem ser pré-pagos para embarques com conhecimento de embarque, incluindo DLF e encargos locais no destino. 

Notas para Malta

A sobretaxa de contribuição portuária no destino é paga junto com o frete marítimo

Frete pré-pago = PCD pré-pago

Frete a pagar = PCD a pagar

Notas para Mauritânia

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos.

Notas para México

Atenção: nossas tarifas terrestres estão sujeitas a alterações a qualquer momento.

No México, nosso serviço terrestre é sempre feito em tandem – ou seja, com caminhão duplo (um caminhão, dois chassis/plataformas); por isso, é importante ajustar sua carga com base nas restrições de peso estabelecidas pelos regulamentos locais do México. Para mais informações, consulte o seguinte link: https://www.hapag-lloyd.com/en/services-information/offices-localinfo/latin-america/mexico.html#tab=ti-local-documents-mexico

De acordo com os regulamentos federais aplicáveis na República do México para os meios de transporte a seguir (caminhão ou trem), observe o peso máximo permitido por contêiner (incluindo carga, embalagem ou material de amarração):

A) MODAL SOMENTE CAMINHÃO

1. Caminhão – Território mexicano, exceto Ensenada

Inteiro/tandem: Contêineres de 6 metros, 12 metros ou refrigerados: 23 toneladas métricas (carga)

Individual (*): Contêineres de 6 metros e 12 metros: 26 toneladas métricas (carga), contêineres refrigerados: 23 toneladas métricas (carga)

2. Área do caminhão, Ensenada

Cheio/tandem: Contêineres de 6 metros, 12 metros ou refrigerados: 21 toneladas métricas (carga)

Individual (*): Contêineres de 6 metros, 12 metros ou refrigerados: 23 toneladas métricas (carga)

(*) Os movimentos individuais estão sujeitos a:

- Disponibilidade de caminhões (um caminhão e uma plataforma ou chassi)

- Para movimentos individuais, será aplicado um custo adicional de 60% sobre a taxa terrestre cheia

B) MODAL SOMENTE TREM

1. Trem para terminal ferroviário

Contêiner de 6 metros: 23 toneladas métricas (carga)

Contêiner de 12 metros: 26 toneladas métricas (carga)

2. Entrega local

Contêiner de 6 metros: 26 toneladas métricas (carga)

Contêiner de 12 metros: 26 toneladas métricas (carga)

Os contêineres que ultrapassarem os limites de peso indicados no ponto B estarão sujeitos a um adicional de 25% sobre o frete terrestre (sem exceder a carga útil).

C) MODAL COMBINADO TREM + CAMINHÃO (para entrega local)

Contêiner de 6 metros: 23 toneladas métricas (carga)

Contêiner de 12 metros: 26 toneladas métricas (carga)

O peso mencionado acima pode ser considerado entrega local do terminal ferroviário até a porta, desde que o local seja dentro da área metropolitana e a distância não exceda 30 km do terminal ferroviário – caso contrário, os mesmos critérios da Cláusula A (MODAL SOMENTE CAMINHÃO) devem ser considerados.

Notas para Mianmar

Todos os encargos devem ser pré-pagos (incluindo encargos locais no destino) para todos os embarques de importação para Mianmar.

Notas para Nova Zelândia

Para exportações da Nova Zelândia, informamos que Grãos/Resíduos/Sucatas são mercadorias que não se enquadram na definição de Freight All Kinds do nosso Quick Quotes. Para tais mercadorias, entre em contato com nossos representantes de vendas locais para obter uma cotação.

Notas para Nigéria

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos. 

Notas para Papua Nova Guiné

Para exportações da Papua Nova Guiné, informamos que Grãos/Resíduos/Sucatas são mercadorias que não se enquadram na definição de Freight All Kinds do nosso Quick Quotes. Para tais mercadorias, entre em contato com nossos representantes de vendas locais para obter uma cotação.

Notas para Paraguai

Contêineres para o Paraguai com objetos pessoais, utilidades domésticas e veículos não são aceitos. Exceção: embarques com contêineres SOC (contêineres próprios do embarcador) ou embarques diplomáticos.

Notas para Peru

Aplicam-se despesas adicionais e taxas de serviço para a entrega de cargas e equipamentos no Peru. Para informações detalhadas sobre esses encargos locais padrão, que fazem parte do contrato de transporte, consulte https://www.hapag-lloyd.com/perulocalrates

Os exportadores devem tomar ciência e aceitar que esses encargos locais devem ser pagos no Peru.

Notas para Portugal

Os bookings de objetos pessoais de e para a Portugal não podem ser feitos para transporte pelo armador. Todos os encargos devem ser pré-pagos, e o destinatário deve ser um agente.

Açores/Ilha da Madeira: Não são aceitas receitas fiscais para cargas com destino a Açores ou à Ilha da Madeira. 

 

Remarks for Qatar

Freight collect is only possible if prior approval has been obtained from the destination office. Please contact your local Hapag-Lloyd office to obtain the same prior to loading.

Notas para São Tomé E Príncipe

Frete a pagar não é aceito. O frete e os encargos locais precisam ser pré-pagos. 

Notas para Arábia Saudita

Observe que a taxa de documentação no destino (DDF), preparação do pedido de entrega (PDO) e recebimento, manuseio e entrega (RHD) são encargos locais sempre a pagar.

O frete terrestre no destino (DLF) e a taxa de manuseio no DLF (HDL) devem ser pré-pagos para todos os embarques destinados à Arábia Saudita.
 

Notas para Senegal

Frete a pagar não é aceito. A sobretaxa de congestionamento no destino (CGD), segurança do terminal no destino (TSD), encargos portuários no destino (PCD), taxa de manutenção de equipamento (EMF) e taxas administrativas no destino (ADD) para embarques de importação para o Senegal devem sempre seguir o modo de pagamento do frete marítimo.

Notas para Serra Leoa

  • Frete a pagar não é permitido. Todos os encargos relacionados a frete devem ser PRÉ-PAGOS na agência de origem.  
  • Imprimir o conhecimento de embarque no POD Freetown é permitido mediante pagamento adicional. 
  • O NIF do consignatário é obrigatório (NIF = número IVA). Consignatários estrangeiros não são permitidos. 
  • O certificado Cargo Tracking Note (CTN) é obrigatório para todos os embarques de importação para Serra Leoa e deve constar no conhecimento de embarque. A não apresentação do CTN aos consignatários acarretará em multa no destino que será repassada ao cliente na origem para pagamento.  
    Observação: Cargo Tracking Note (CTN) – O certificado Cargo Tracking Note contém informações detalhadas sobre a carga e sua movimentação entre os portos. Além disso, o documento oferece às Autoridades Aduaneiras Marítimas informações sobre o exportador/importador, rota e métodos de embarque, tipo e valor da carga, valor do frete, bem como detalhes sobre as mercadorias transportadas. 
  • Para BLs TO ORDER, será necessária uma correção do manifesto, uma vez que a alfândega exige que o destinatário real conste na caixa “consignatário” antes de iniciar o processo de liberação/desembaraço alfandegário. A correção do manifesto incorrerá em taxa adicional, conforme tarifário. 
  • Restrições de peso conforme peso máximo da carga útil por contêiner. 
  • Contêineres SOC apenas com placa válida; contêineres de alumínio não permitidos. 
  • Para cargas de baixo valor, como itens pessoais e de segunda mão geralmente dos EUA, Canadá e Europa com alto risco de não serem reclamados e abandonados pelo exportador, um documento de desistência UAC (unclaimed and abandoned container - contêiner não reclamado abandonado) deve ser emitido para o embarcador 
  • Resíduos tóxicos, sucata eletrônica, sucata de motores/peças de motores, baterias usadas, pneus usados, carvão, fogos de artifício, produtos que contenham amianto, substâncias venenosas e entorpecentes, impressora de dinheiro falso, remessas de dinheiro, moedas, medalhas (de qualquer tipo) , animais vivos, vegetais crus não refrigerados, frutas, peixe/carne(s) seca(s), restos de animais de qualquer tipo, plantas vivas e fertilizantes, material pornográfico, bebidas energéticas “pussy”, armas, armas de fogo, munições, balas, cartuchos e pólvora e/ou qualquer tipo de carga policial/militar, veículos com volante à direita NÃO TÊM PERMISSÃO para serem importados para Serra Leoa. 
  • Para cargas secas “em trânsito” para qualquer país via transporte pelo exportador, deve aparecer no BL “carga em trânsito para ‘nome do país’”. 
  • Para cargas refrigeradas “em trânsito” para um país próximo, é necessária a aprovação MD do agente do destino. 
  • Cargas destinadas a entidades governamentais, ONGs, instituições de caridade, entidades religiosas e cargas refrigeradas precisam da aprovação MD do agente do destino. A agência POL será responsável por todas as despesas associadas em caso de longa detenção de contêineres e/ou perdas. 

Remarks for South Africa

Congestion Surcharge at Destination (CGD) to follow the SEA Freight must be prepaid.

Notas para Coréia do Sul

Termos de pagamento: o frete marítimo e os encargos associados, bem como os encargos locais na origem, devem ser pré-pagos para importações de mercadorias refrigeradas, a não ser que sejam pré-aprovados pelo escritório local. Para devolver cargas para a Coreia, todos os encargos devem ser pré-pagos, a não ser que sejam pré-aprovados pelo escritório local. Para todos os embarques, RLB, ADD e DLF devem seguir os termos do frete marítimo.

Notas para Espanha

Os bookings de objetos pessoais de e para a Espanha não podem ser feitos para transporte pelo armador. Todos os encargos devem ser pré-pagos, e o destinatário deve ser um agente.

Notas para Sudão

Todas as cobranças de bookings de exportação do Sudão devem ser feitas no esquema a pagar; os bookings de importação para o Sudão devem ser pré-pagos (exceção: MHD/MHO podem ser pagos no Sudão). Pagamentos em outros locais são permitidos tanto para importação como para exportação.

Notas para Síria

Informamos que, como pré-condição para carregar seu contêiner, você deve assinar uma carta de indenização (LOI), fornecer todos os documentos para validação eventualmente solicitados (por exemplo, certificado de uso final) e responder a quaisquer possíveis perguntas adicionais corretamente. Qualquer documentação desse tipo deve ser apresentada no máximo 24 horas antes do prazo de entrega do FCL.

Em caso de não cumprimento de qualquer uma das obrigações acima ou de qualquer regulamento aplicável, reservamo-nos ainda o direito de lhe cobrar todos os custos e despesas aqui relacionados e/ou cancelar o seu booking (com os custos a seu cargo).

A Hapag-Lloyd AG não será responsável por quaisquer custos e/ou atrasos ocorridos devido intervenção da alfândega. Isso inclui, entre outros, quaisquer multas e encargos alfandegários, bem como custos relacionados de armazenamento (portuário), taxas de inspeção, etc. decorrentes de possíveis inspeções ou paradas alfandegárias. Observe que a alfândega nos portos de transbordo também tem o direito de realizar paradas ou inspeções. A mesma responsabilidade pelos custos também se aplica ao seu consignatário. A responsabilidade de informar devidamente o consignatário é do embarcador. A aceitação de cargas pela Hapag-Lloyd é limitada apenas à Hapag-Lloyd e não envolve aceitação ou permissão de qualquer alfândega ou outras autoridades locais.

O encargo de transferência de equipamento no destino (ETD) deve seguir os termos de pagamento do frete marítimo.

Notas para Taiwan

1. O frete marítimo e os encargos associados, bem como os encargos locais na origem, devem ser pré-pagos para importações de mercadorias refrigeradas.

2. DLF deve seguir os termos do frete marítimo, a não ser que especificado nas instruções de envio ou RA para todas as importações.

3. CSF, TSO e TSD não podem ser pagos em Taiwan para embarques de exportação e importação e devem ser liquidados no exterior.

4. Os pagadores em Taiwan devem ter uma identificação fiscal.

Notas para Tailândia 

Todos os encargos devem ser pré-pagos para importações de mercadorias refrigeradas, objetos pessoais e utilidades domésticas.

O frete terrestre no destino (DLF), a sobretaxa de congestionamento no destino (CGD) e o transporte adicional no destino devem seguir os termos do frete marítimo.

Laem Chabang tem restrições para a mercadoria “órgãos de animais”.
 

Notas para Tunísia

As sobretaxas de congestionamento CGO/CGD devem sempre seguir os termos de pagamento do frete marítimo.

Se o frete marítimo for pré-pago, a sobretaxa de congestionamento será pré-paga.

Se o frete marítimo for a pagar, a sobretaxa de congestionamento será a pagar.

Notas para Turquia

Encargos locais de exportação XOP estão sujeitos a 20% de IVA e devem ser pré-pagos.

Peso máximo da carga útil em kg (rodovia):

CONTÊINERES  KGM
20' DC 26000
20' RF 25500
20' PC 25500
   
40' DC 24000
40' HC 24000
40' RF 23500
40' PC 23500

Para solicitação de cotações para serviços adicionais de transporte terrestre (pre-carriage e on-carriage) de cargas pesadas, entre em contato com seu representante de vendas. Observe que o peso do motorista + caminhão + contêiner não pode ultrapassar 42.000 kg, de acordo com os regulamentos para transporte rodoviário turcos. A Hapag-Lloyd A.G. não se responsabilizará por quaisquer danos causados à carga caso o limite de peso para transporte terrestre seja excedido. 

Consulte os regulamentos para transporte rodoviário turcos; Karayolları Trafik Yönetmeliği 128 (kgm.gov.tr)

Note: Waiting free time – 6 hrs in Turkiye, Please contact the sales representative after 6 hrs for our tariff.

Notas para Ucrânia

Encargos locais e serviços terrestres estão sujeitos a 20% de IVA.

Notas para Emirados Árabes Unidos

Para contêineres refrigerados, observe os seguintes comentários:

  • Os encargos de tomada no porto são de acordo com o tarifário portuário.
  • Não providenciamos nenhum pré-resfriamento antes da liberação dos contêineres.
  • São necessárias 24 horas de trabalho no máximo para organizar o PTI com o pátio para refrigerados do DPA.
  • Os encargos de tomada no porto serão calculados a partir do dia 1 e até que as unidades estejam a bordo.
  • Os encargos de deslocamento serão AED 175/20'REF e AED 225/40'REF.

Notas para territórios dos EUA

Antes de carregar seu embarque, é obrigatório pagar uma taxa do FMC (Federal Maritime Commission). Por este motivo, as informações do booking devem incluir o respectivo código HS juntamente com a descrição da mercadoria. Além disso, todos os contêineres devem ser lacrados com um lacre de alta segurança.

Para destinos localizados nos territórios dos EUA, a cotação está sujeita aos rígidos regulamentos da Comissão Marítima Federal dos EUA (FMC). Certifique-se de que o contêiner seja entregue cheio no terminal dentro do período de validade do contrato utilizado para o embarque. Quando seu embarque for composto por vários contêineres, certifique-se de que o último contêiner que pretende entregar seja entregue cheio no terminal dentro do período de validade do contrato. 

É responsabilidade da parte contratual NVOCC garantir que todos os bookings feitos para os EUA e/ou no escopo regulado pelo FMC atendam aos requisitos do FMC. Isso inclui manter um tarifário público e um vínculo válido. Para entidades sediadas nos EUA, também é necessária uma licença. Consulte este link para mais informações.

Para itens licenciados e proibidos, bem como itens não permitidos nos EUA, consulte diretamente um despachante alfandegário licenciado que possa identificar esses itens e as regras aplicáveis em nível federal e/ou estadual.

Observe que objetos pessoais e veículos sem documento de transferência são proibidos de circular de ou para os EUA via portos canadenses. Qualquer embarque reservado como tal será interrompido no POD aplicável e/ou devolvido à origem. Além disso, não são permitidas mudanças de porta de objetos pessoais para a residência pessoal de um cliente. Quaisquer encargos adicionais incorridos serão responsabilidade da parte exportadora.

Isenções adicionais incluem produtos de metal pesado, incluindo, entre outros, bobinas de aço.

Os requisitos de peso se aplicam a todos os embarques, incluindo contêineres recebidos ou entregues nas docas.

A transportadora não irá manusear nenhum contêiner carregado incorretamente ou carregado acima de sua capacidade indicada.

O embarcador garantirá que o peso do eixo e do carregamento atendam aos limites de segurança das rodovias provinciais, federais, estaduais e municipais.

A limitação de peso terrestre é expressa em toneladas métricas com separação por vírgula.

Pesos brutos máximos de carga admissíveis recomendados pelo OCEMA em contêineres intermodais internacionais para transporte no sistema rodoviário dos EUA. Qualquer embarque acima do indicado nas diretrizes de peso do OCEMA pode ser recusado na ferrovia/rodovia ao chegar nos portos dos EUA/Canadá ou incorrer em custos extras não mencionados em nossas cotações.

Para mais informações, consulte: http://www.ocema.org/cwg.html

As tarifas terrestres estão sujeitas a flutuações conforme tarifário e podem ocorrer até o dia da transferência. Verifique os níveis terrestres atuais aqui: https://www.hapag-lloyd.com/en/online-business/tariffs/inland-tariff.html

De acordo com o nosso tarifário, se uma localidade na América do Norte não tiver caminhões disponíveis, quaisquer atrasos e custos adicionais associados a esse problema, como armazenamento, sobreestadia e potenciais custos pre-pull, serão arcados pela conta da carga. Observe também que os chassis de equipamentos de três eixos são extremamente curtos, e a disponibilidade é limitada. Quaisquer encargos adicionais devido à falta de disponibilidade de tais equipamentos, bem como à falta de caminhões disponíveis, serão arcados pela conta da carga.

Lembre-se de que existem várias mercadorias proibidas ou restritas pelas ferrovias norte-americanas, incluindo, entre outras: maquinário usado, sucata, veículos, produtos de metal pesado, flexitanks, tabaco, couros, objetos pessoais, equipamentos médicos, pneus usados, etc. Em caso de dúvidas, não hesite em entrar em contato conosco.

Seguindo a Genset Provision Policy (EUA), a Hapag-Lloyd interrompeu o fornecimento de geradores para embarques de transporte pelo exportador com destino final em instalações portuárias dos EUA. Caso um gerador seja solicitado para embarques entre terminais portuários e pontos de entrega locais em transporte pelo exportador, isso deve ser feito no momento do booking. Será aplicada uma taxa adicional por gerador, conforme encargos locais definidos em RURE-001 036.5.

Para consultar pesos de carga permitidos e encargos de excesso de peso para transporte terrestre dentro do Canadá, siga link abaixo.

Limite de peso bruto de carga
Limitações de peso nas ferrovias do Canadá https://www.hapag-lloyd.com/en/services-information/offices-localinfo/north-america/canada.html#tab=ti-export

Qualquer custo interno adicional incorrido por excesso de peso da carga será por conta do embarcador. Veja os links abaixo para consultar as respectivas taxas de excesso de peso.

Taxas de serviço norte-americanas – Tarifa de excesso de peso no Canadá: https://www.hapag-lloyd.com/en/online-business/quotation/tariffs/local-charges-service-fees.html#anchor_otf98316
Os requisitos de peso se aplicam a todos os embarques, incluindo contêineres recebidos ou entregues nas docas. A transportadora não irá realizar o transporte terrestre de nenhum contêiner carregado incorretamente ou carregado acima de sua capacidade indicada. O embarcador garantirá que o peso do eixo e do carregamento atendam aos limites de segurança das rodovias provinciais, federais, estaduais e municipais. As taras podem variar, impactando o peso máximo.

Notas para Venezuela

Todas as sobretaxas no destino para a Venezuela devem ser pré-pagas, entre elas: sobretaxa de congestionamento, reposicionamento no destino e THC.

A única sobretaxa paga no destino é a taxa de administração, faturada em moeda local (bolivares).

Para todas as cargas de/para a Venezuela, os termos de pagamento e a moeda podem ser alterados de acordo com os detalhes do cliente. Para mais informações, consulte:

https://www.hapag-lloyd.com/en/news-insights/news/2019/09/venezuela---information-about-us-sanctions.html

Notas para Vietnã

Informamos que as mercadorias Papel usado/Produtos florestais/Sucata são restritas ou exigem uma licença especial e depósito bancário para importação para todos os portos vietnamitas, incluindo Ho Chi Minh, Cai Mep Vung Tau, Haiphong, Da Nang e Quy Nhon via Ministério de Recursos Naturais e Meio Ambiente do Vietnã.

Para todos os embarques de importação para o Vietnã, o frete terrestre no destino (DLF), transferência de equipamento no destino (ETD), encargo arbitrário no destino (ACD), segurança do terminal no destino (TSD) e taxa administrativa no destino (ADD) devem seguir os termos de pagamento do frete marítimo, enquanto outros encargos no destino com moeda VND podem ser definidos como a pagar.

Para todas as importações para o Vietnã, os embarques estarão sujeitos a uma taxa de manutenção de equipamento (EMF) de acordo com a mercadoria enviada no momento do booking. Consulte a nossa página de tarifário para ver as taxas aplicáveis.

Para exportações do Vietnã, mercadorias que requerem manuseio especial, incluindo, entre outros, bobinas de aço, baterias de lítio ou carvão ativado, estarão sujeitas a uma taxa administrativa adicional (ADO). Consulte a nossa página de tarifário para ver as taxas aplicáveis ou entre em contato com nosso representante de vendas local.

Após o surto da doença da vaca louca em vários países europeus, é proibida a importação de farinha de sangue bovino da Europa para o Vietnã. Código SH: 230110, Mercadoria: Farinha de sangue bovino, farinha de carne e ossos, farinha de aves, farinha de penas hidrolisada, farinha de carne e ossos suínos, proteína processada, farinha de sangue suíno, farinha de carne e ossos bovinos, carne e ossos bovinos. 

Para detalhes completos, entre em contato com nosso escritório no Vietnã enviando um e-mail para [email protected].

Notas para Iêmen

Todas as sobretaxas, incluindo ARC, WRS, CSF, CGD e MFR aplicáveis a embarques para o Iêmen, devem ser pré-pagas pelos embarcadores.

Quaisquer solicitações de pagamento de frete exigirão aprovação do destino.

Back to Top